Kaká já aceita negociar com o Galatasaray, afirma jornal espanhol


Pouco aproveitado por Mourinho, Kaká aceita ir para o Galatasaray

O Galatasaray deu o primeiro passo para contratar Kaká em janeiro. De acordo com o jornal espanhol “AS”, o meia brasileiro se mostrou disposto a negociar com o clube turco após uma primeira sondagem. Apesar disso, o técnico Faith Terim, que na segunda-feira se mostrou empolgado com a possibilidade de contar com o atleta, preferiu manter a cautela.

- Se há um contato com o jogador, só o presidente sabe. Não sei nada sobre o tema – despistou Terim, em entrevista ao diário espanhol.

De fato, Ünal Aysal, mandatário do Galatasaray, admitiu a possibilidade de contratar Kaká, mas, assim como seu treinador, não quis dar muitos detalhes sobre a negociação.

- Kaká está feliz no Real e, se vier, não poderá jogar a Liga dos Campeões, pois já atuou pelo Real. Apesar destes obstáculos, se Terim quer que eu negocie com o Real, vamos trabalhar com todas as nossas forças – prometeu o dirigente ao jornal turco Hürriyet.

Confira : Quem chega e quem sai do seu clube!
Esta não é a primeira vez que o Galatasaray tenta a contratação de Kaká. No início da temporada, o clube turco também procurou o brasileiro, que, na época, não quis negociar e afirmou que preferia permanecer no Real.

Ainda segundo o “AS”, um dos fatores que podem facilitar a contratação de Kaká é a presença de outros brasileiros no Galatasaray. Além do volante Felipe Melo e do zagueiro Cris, o clube também conta com Taffarel, que é preparador de goleiros. A boa relação entre Terim e Mourinho também traz otimismo para os turcos.

Por outro lado, o salário do meia, de € 9 milhões anuais, é um empecilho para o Galatasaray, que não poderia arcar com esta quantia. Além disso, há a concorrência de times da MLS – o Los Angeles Galaxy e o New York RB já mostraram interesse em Kaká.